Atestado

Autoria: Paçoca, Oreste, Leo, Conga, Fredão, Rodrigão

Refrão

Vai chegar minha vez

A fila está de matar

Eu não quero remédio só quero atestado pra não trabalhar

Mas se a dor não sumir

Se a pressão não abaixar

Vou mandar chamar os Doutores do Samba pra me ajudar

Intro

Hoje eu me atrasei, porque a noite foi boa

Estou sem disposição pra me levantar

Foi quando eu pensei então: “Vou passar lá no hospital”

“Vou falar pro doutor que não tem condição, estou passando mal”

Só dá pra chegar lá de metro e lotação

Aperto e confusão tive que passar

“Por favor, estou com dor me deixa passar”

Até a dona da frente acreditou

O que a gente não pra não ir pro trabalho e não ter que estudar! (x2)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *